segunda-feira, 21 de agosto de 2017

Consciência Black — Vol.1 (1988)

Consciência Black — Vol. 1 — Download — Baixar
Boas pessoal, voltanto ao Rap / Hip Hop brasileiro, ano 1988... Como já tinha dito nos posts anteriores, o ano 88' foi muito importante no Rap feito no Brasil, pois logo após a saida da primeira colectênea brasileira "Hip Hop — Cultura de Rua", apenas alguns dias depois, saia a compilação "Consciência Black" pela "Zimbabwe Colors", esta primeira edição lançada em vinil, saiu em 1988, a edição CD (que é a mesma mas em compact disc), saiu em edição limitada em 1989. Há entrevistas e documentários, que dizem que algumas faixas desta compil foram gravadas antes da compil "Hip Hop — Cultura de Rua", como as faixas dos Racionais MC's e do Edy Rock com KLJay (Racionais), pois era aqui que os "Racionais Mc's" gravavam e lançavam as suas primeiras faixas em CD! Podem ouvir as primeira edições, das faixas "Pânico Na Zona Sul" e "Tempos Difíceis", diferentes das edições do album "Holocausto Urbano", lançado em 1990, pelos "Racionais MC's". Também podemos ouvir nesta colectânea, (talvez a primeira faixa "Rap sério brasileiro feminino"), da MC "Sharon Line", na faixa "Nossos Dias".
A1.Grand Master Rap Junior - Minha musa
A2.MC Gregory - Changeman neguinha
A3.Melô da massa (Intrumental)
A4.Edy Rock & KLJay - Tempos difíceis
B1.Street Dance - Absoluto
B2.Sharon Line - Nossos dias
B3.Criminal Master - Pobreza
B4.Frank Frank - Loucos e loucas
B5.Racionais Mc's - Pânico na zona sul
Ficam aqui 3 faixas para escuta, "Racionais Mc's" (1° versão), a MC "Sharon Line", e a crew "Street Dance"  1988 

Lady B — To The Beat Y'all (1979)

Lady B — To The Beat Y'all — Download — Baixar
Boas pessoal, voltando ao ano 79', Rap / Hip Hop americano...Como já tinha dito num dos posts "americano", em 1979, houve muitos singles lançados, muitos deles por artistas que apenas lançaram um single, como a "Lady B". BIOGRAFIA — "Lady B" (Wendy Clark), não foi um nome qualquer, pois ela foi a primeira MC feminina a lançar um disco (single) de Rap a solo já no ano 79'! Wendy Clark, nome de artista "Lady B", era uma MC de Philadelphia, Pennsylvania, ela começou a sua carreira na estação de rádio "WHAT radio station", e em 1979 lançou este primeiro e único single que ficou marcado na história (profunda ^^), o single foi dos raros que saiu com a mesma face dos dois lados, foi lançado pela "TEC Records" (a primeira versão). Ainda em 79, fez uma participação no single das "Direct Current" (grupo feminino de Soul R&B), na faixa " Everybody Here Must Party", como a face A e B, do seu single é a mesma, meti como Face B este single, que foram as suas únicas gravações lançadas "oficialmente". Mas logo de seguida a antiga MC, se lançou como "Dj" numa carreira de "rádio", onde continua sua carreira. Em 1984 mudou para a rádio "Power 99 FM", onde lançou o programa "The Street Beat", que animou até 89, foi quando o programa parou. Hoje continua a trabalhar para a rádio "Sirius Satellite Radio", em New York, e para a rádio "WRNB 100.3", em Philadelphia.
A1.To The Beat Y'all
B1.Everybody Here Must Party (Direct Current)
Faixa do single "To The Beat Y'all" da "Lady B" 1979 

domingo, 20 de agosto de 2017

Funky Four Plus One — Rappin And Rocking The House (1979)

Funky 4 + 1 — Rappin & Rocking The House — Download — Baixar
Continuando no ano 1979 do Hip Hop / Rap americano... Outro grupo dos anos 70' a ter marcado a história do RAP (nos Estados Unidos), foi o grupo "Funky Four Plus One More", pois este grupo foi o primeiro grupo de Rap a ter uma MC "feminina", que é a famosa "Sha Rock" (Sharon Green), mas também marcou a história, sendo o primeiro grupo de RAP em 1981, a passar numa emissão de TV nacional (Estados Unidos), a famosa emissão "Saturday Night Live",. BIOGRAFIA — "Funky Four Plus One", foi formado em 1976, no Bronx - New York, os primeiros membros eram: KK, aka "KK Rockwell" (Kevin Smith), "Keith Keith" (Keith César), "Sha Rock" (Sharon Green), e "Rahiem" (Guy Todd Williams), pouco tempo depois Sha Rock & Rahiem, saiam do grupo para ir pra um outro grupo que era o famoso "Grandmaster Flash & The Furious Five", entretanto os dois membros foram substituidos por 2 novos membros, o "Li'l Rodney C" (Rodney Stone) e "MC Jazzy Jeff" (Jeffrey Miree), e o grupo veio a se chamar "New Funky Four", mas pouco tempo depois, a MC feminina "Sha Rock", volta novamente ao grupo, e mudam o nome para "Funky Four Plus One More", só em 1980, depois deste single, quando assinaram pela "Sugar Hill Records", é que mudaram o "Four Plus One More",  para "4 + 1", e dai sempre foram conhecidos como os "The Funky 4 + 1". Também fizeram parte do grupo "Dj Breakout" & "Dj Baron"!!. Depois desta reviravolta toda, em 1979, (todos eles com mais ou menos 17 anos), assinavam pela label "Enjoy", e no mesmo ano lançavam este primeiro disco, o single "Rappin' And Rocking The House", uma batalha de rimas 100% old school de 16 minutos, onde já podiamos ouvir a famosa "Sha Rock" a mostrar a "Girl Power Atitude"!
A1.Rappin And Rocking The House (Versian A - 16min)
B1.Rappin And Rocking The House (Version B - 14min)
Video "Live" da faixa "Rappin And Rocking The House", gravado em 1980 
 Faixa completa e qualidade som "Rappin' And Rocking The House" 1979 

B-BOY — "CRAZY LEGS" — Rock Steady Crew

Crazy Leggs "The Legend of Hip Hop"
Boas pessoal, todos já devem ter ouvido falar no nome "Crazy Legs", ou "B-boy Crazy Legs", ou ainda "MC Crazy Legs", pois ele é um bboy / MC americano, pioneiro do "Hip Hop", Crazy Legs, estava la quando tudo começava no Bronx - New York City - USA. Em 1979 formava a "Rock Steady Crew", que iremos falar mais tarde aqui no blog, para quem quiser ver a sua "BIOGRAFIA COMPLETA", carregue no link azul. Crazy Legs é um nome muito importante na história do Hip Hop, foi um dos primeiros nomes a inovar a dança Hip Hop, e a levar a receita a paises como a Inglaterra (Londres), ou a França (Paris) em 1983. Crazy Legs, também participou nos filmes legendários "Wild Style" & "Stylle Wars", ficam aqui 2 videos "homenagem" dedicados ao bboy.
Video homenagem ao "BBoy Crazy Legs"

Craze Legs - Rock Steady Crew 

sábado, 19 de agosto de 2017

Tha Real Vibe — Unidade (1999)

Tha Real Vibe — Unidade — Download — Baixar
Voltando ao Hip Hop / Rap crioulo, anos 90'...Os pioneiros do RAP crioulo "Tha Real Vibe", depois de terem lançado o primeiro álbum "Mensagem", em 1995, em 99 lançavam este segundo álbum, "Unidade", nota-se uma evolução no Rap crioulo neste segundo disco do grupo  Tha Real Vibe, um rap mais sério, com letras já mais trabalhadas, naquela altura este disco já fazia mais parte daquele termo "Rap Underground", porque os discos anteriores eu acho que era mais aquela Rap de "festa" tipo
"Black Company", "SSP" etc... este álbum ainda tem algumas faixas assim, mas já tem também umas faixas mais interessantes, com mais mensagem e com uma letra mais afinada, tipo essas 3 faixas que eu meti mais abaixo para escuta.
01.Xploração
02.Sexta-feira
03.Tchabêta
04.Boa Viagem
05.Hollywood (feat. Blase)
06.Afrika
07.Interlude - Chillin' in the park
08.Musika
09.Prigoz
10.Parlez-vous !!
11.Interlude - Rusga na porta
12.Systema
13.Tchuva (feat. Nouba)
14.Rawking m.i.c (feat. Blase)
15.RRiola
16.Feedback (feat. Blase)
Ficam aqui 3 faixas do album para escuta, faixa 12, 5 & 8

Sugarhill Gang — Rapper's Delight (1979)

Sugarhill Gang — Rappers Delight — Download — Baixar
Boas pessoal, voltando ao Rap / Hip Hop americano, ano 1979...Em 1979, a história do RAP e do Hip Hop, mudava completamente, com o enorme sucesso do grupo "The Sugarhill Gang", que levou single "Rapper's Delight" aos quatro cantos do mundo, atenção! ao contrário do que muitas pessoas pensam, e dizem, Rapper's Delight, não foi o primeiro single de RAP lançado, mas sim o primeiro grande sucesso de uma faixa (single), de RAP, mas antes deles nesse mesmo ano de 1979, entre o primeiro single de Rap "King Tim III" (já partilhado no blog), e o lançamento deste single em Setembro de 1979, vários MC's, e grupos, já tinham lançado singles de RAP, eu tenho muitos deles que irei partilhar, vou começar pelos nomes mais importantes e mais conhecidos, mas claro foi o disco mais importante do ano 79', foram inspiração para muitos mc's que iriam aparecer nos anos seguintes. Talvez muitos ainda pensem que este foi o primeiro single, por ter sido o primeiro disco lançado pela enorme produtora "Sugar Hill Records", a maior produtora de RAP dos anos 80', que foi criada nesse mesmo ano pela "Sylvia Robinson". "Sugar Hill Gang" foi um grupo formado nos anos 70', por 3 membros, o Michael "Wonder Mike" Wright , o Henry "Big Bank Hank" Jackson, e o Guy "Master Gee" O'Brien, os 3 de Englewood , New Jersey. BIOGRAFIA — "Sugarhill Gang".
A1.Rapper's Delight (Long Version - 15min)
B1.Rapper's Delight (Short Version - 6min30)
Video de versão longa, do single "Rapper's Delight" 1979 (HD) 

TAKI 183 — THE LEGENDARY FATHER OF GRAFFITI

"Taki 183" — Legend of Graffiti
Boas pessoal, também já devem ter ouvido falar no nome "Taki 183", caso não, Taki183, é o nome de artista do americano, nascido na Grécia, "Demetrios", um dos pioneiros do Hip Hop (Graffiti), conhecido no meio do Hip Hop como o "pai do graffiti" (por ter sido um dos primeiros), Demetrios, escolheu o nome de "Taki 183", devido à sua morada "183rd Street", em Washington Heights. A legenda diz que era um jovem carteiro em Nova Iorque, nos principios do Hip Hop, ele escrevia o seu nome em todas as ruas de Nova Iorque em que passava, no fim dos anos 60 e principios dos anos 70. Em 1971 "Taki 183" teve direito a um artigo no jornal "New York Times" (edição do 21 de Julho 971), um artigo, que levou Taki 183 a marcar o graffiti na história já nesse ano de 1971.
(carrega na segunda imagem, para ver o artigo do "New York Times" em grande).
Taki 183 - The Legendary Father Of Graffity 
Taki 183 - Old School Videos - Graffiti (back in the day!) 

sexta-feira, 18 de agosto de 2017

Ithaka ‎— Flowers And The Color Of Paint (1995)

Ithaka ‎— Flowers And The Color Of Paint — Download — Baixar
Boas pessoal, voltando ao Hip Hop / Rap tuga, ano 1995... Mais um álbum "tuga", que não tinha partilhado no primeiro blog "As Nossas Raizes", mas que também faz parte da discografia "Hip Hop Tuga", mesmo se o cantor é americano, e rima sempre em inglês, esta álbum foi o primeiro do rapper "Ithaka", lançado em Portual, conta com as participações dos pioneiros porutgueses "Lince" & "General D", são as duas faixas em que se pode ouvir rimas em português, uma bonita mistura da lingua portuguesa com a lingua inglesa, também conta com a participação da cantora portuguesa "Marta". BIOGRAFIA — Ithaka Darin Pappas, mais conhecido simplesmente como, Ithaka (leia-se Ítaca), viveu e gravou em Lisboa, de 1992 a 1998, "Darin Pappas", é um americano artista plástico, (escultor, pintor), fotógrafo, compositor, vocalista, artista de hip hop, escritor, poeta, produtor musical e surfista de ascendência grega parcial. Ithaka nasceu e foi criado no Sul da Califórnia, mas mais tarde estabeleceu-se em Japão, Grécia, Portugal, Brasil e México. O artista reside atualmente em Califórnia. Em Lisboa gravou seus dois primeiros álbuns de hip hop, "Flowers And The Color Of Paint" e "Stellafly". Sua canção, "Escape From The City Of Angels" apareceu na trilha sonora para a Columbia Pictures The Replacement Killers (Assassinos Substitutos). Ele também foi o compositor / vocalista do o a cappella poema "So Get Up" que a pista de dança So Get Up por Underground Sound of Lisbon foi baseado e além disso por o duo alemão de Trance, Cosmic Gate. Em 2004, no Brasil, gravou a faixa "Who's The Enemy" (com Gabriel o Pensador), em 1993 em Portugal, também lançou o single "So Get Up".
01 Street Loyalty
02 The Umbilibus (feat. Lince)
03 Fishdaddy
04 Escape From the City of Angels (feat. Marta)
05 Erase the Slate of Hate (feat. General D)
06 Been Four Years
07 Somewhere South of Gibraltar
08 The Pigeon Lady
09 Stonemobile
10 Rich Girl (Ketchup Love)
11 Sleepdriver
12 Goodcookies (feat. Marta)
13 Flowers and the Color of Paint
Ficam aqui 3 faixas do álbum para escuta, faixa 2 (com Lince), 5 (com General D) & 4 (com Marta) 

quarta-feira, 16 de agosto de 2017

EJM — Je Veux du Cash (1990)

EJM — Je Veux du Cash — Download — Baixar
Boas pessoal, voltando ao RAP / Hip Hop francês, ano 1990...Em 1990, também depois de ter sido lançado na famosa compilação (colectanêa), "Rapattitude", lançada uns meses antes, o MC "EJM", lançava o seu primeiro Single (Maxi 45T), "Je veux du cash", que em portugês quer dizer "Quero dinheiro". BIOGRAFIA — EJM, entrou no Hip Hop como Bboy e Writer (grafiteiro), nos meados dos anos 80', habituado as sessões de freestyle na emissão de rádio do "Dee Nasty" na Radio Nova, EJM começou a sua carreira musical em 1989 com o lançamento da faixa "Nous vivons tous" (Nós vivemos todos), em 1990 lança a faixa +video clip "élément dangereux", no mesmo ano assina pela "BMG" e lança este primeiro single, o resto da história irão conhecer nos seus próximos lançamentos que irei partilhando por datas.
A1 Je Veux Du Cash — Long Cash Mix
A2 Je Veux Du Cash — Hard Cash Mix
B1 Je Veux Du Cash — Radio Cash Edit
B2 Je Veux Du Cash — No Cash
Audio: Também podem ouvir o Maxi completo atravès do youtube 

 Video Clip: EJM - élément dangereux 1990 (Compilação Rapattitude) 

terça-feira, 15 de agosto de 2017

The Fatback Band — King Tim III (1979)

The Fatback Band  King Tim III — Download — Baixar
Hoje venho partilhar com vocês o verdadeiro primeiro single de RAP lançado em 1979 (U.S.A.), ainda antes do conhecido "Rappers Delight". O primeiro single de RAP lançado no mercado, foi o single 12T (vinil) "King Tim III", lançado pela banda "The Fatback Band", uma banda de Funk, Disco dos anos 60' & 70' (o single faz referência ao cantor e animador de radio "Tim Washington"), o single apareceu pela primeira vez na face B do vinil "You're My Candy Sweet  King Tim III" lançado em 1979, foram lançadas várias series deste vinil. 1979  foi um ano muito importante no "Rap", foi o ano em que foram gravados e sairam os primeiros discos/ vinis / singles de Rap / Hip Hop. Tinha dito num post que não iria partilhar os post americanos pelas datas como estou fazendo com todos os outros países (por serem muitos), mas mudei de ideias e vou arriscar com os anos 80 (as raízes) ;) penso que tenho muito a vos dar a conhecer, dos primeiros lançamentos de 1979 a 1990, depois já começa a ficar mais complicado e não garanto nada, porque a partir de 1990 começam a ser muitos, muitos!. Foi preciso fazer um estudo prufundo nos vários documentários que se contra-dizem, entrevistas, livros etc, para ter as informações certas..., tenho muitos singles e Ep's que nem se encontram na net para partilhar convosco. Podem confirmar esta info em vários sitios, como no "Documentário do Chuck D", ou através da "Biografia da Música", as datas dos lançamentos podem confirmar carregando nas imagens dos discos (aparece em grande carregando), tem as datas marcadas, etc. As primeiras versões foram lançadas pela "Spring Records".
(released in Midtown - Manhattan - NY)
A1- You're My Candy Sweet (Funk Side - 7:03)
B1- King Tim III (Personality Jock) (Rap Side - 6:13)
 Audio: Fatback - King Tim III (Personality Jock) HQ 

 Video Live: Fatback - King Tim III (Personality Jock) First RAP Record 1979 

A história do Hip Hop — "não contada" (2009 Documentário)

Boas pessoal, todos conhecemos as bases do Hip Hop em termos de artistas da velha escola, nomes como "Kool Herc", "Afrika Bambaataa", "Grandmaster Flash", "Wizard Theodore", "The Sequence", "Grandmaster Caz", "Run DMC" etc...Nomes que na maiorias das entrevistas, livros e documentários de Hip Hop, aparecem como os primeiros...mas na verdade entre os anos 60 e 80 já havia muitos outros Dj's, Mc's, grupos entre outros, que a história vai esquecendo, mas em 2009 foi lançado um documentário muito interessante e muito diferente daqueles que já todos conhecemos, aconselho a todos amantes e puristas do hip-hop, na minha opiniao é dos melhores documentários "Hip Hop Us". Um documentário que nos apresenta uma outra página dos primeiros passos do Hip Hop no Brooklyn, mas também em Queens, aqui fala-se de nomes como "Grandmaster Flowers" o verdadeiro primeiro Dj "Grandmaster", "Nu Sounds", "Dance Master" (Dony Lawrence), "King Charles", "Dj Pete Jones", "Dj Hollywood", "Infinity Machine", "Master D", "Disco Twins", "Dj Starski", "Eddie Cheba", "Dj Maboya", "Smith Brother's", "PLUMMER", "Dj Divine" e "Dj Lance", nomes que secalhar para muita gente ainda não diz nada, mas que foram muito importantes nos primeiros passos do Hip Hop / Rap dos Estados Unidos. Narração por: Chuck D. (pioneiro do Hip Hop). Este documentário tem vindo a ganhar vários prémios do melhor documentário "Hip Hop" (podem ver na intro).
 
FOUNDING FATHERS: The Untold Story of Hip Hop - Narrated by Chuck D 

segunda-feira, 14 de agosto de 2017

360 Graus — Selecção Nacional (2005)

360 Graus — Selecção Nacional — Download — Baixar
Voltando ao Rap / Hip Hop moçambicano...De 2003 passo a 2005, pois nos primeiros anos de 2000', ainda foram lançados poucos álbuns para os MC's que Moçambique já tinha nessa altura, mas se as minhas infos estiveram certas, em 2003 o MC "Suky" (360 graus) lançou a mixtape "Manicómio Vol.1", em 2004 o grupo "Young Lubengula", lançou o álbum "Vida", (Lubenguela R.I.P.)...e ainda em 2004 também foi lançado o álbum "Até Que A Morte Nos Separe", do MC "Denny OG", que pertence ao grupo "360° Graus". Em 2005 é lançado este álbum "Selecção Nacional". BIOGRAFIA — 360 Graus, um grupo que também faz parte da velha escola, o principal fundador foi o produtor "Ell Puto" junto com o seu irmão "Mic-B", também foram eles que fundaram a "Sameblood", responsável de muitos sucessos do Hip Hop moçambicano. Fizeram parte do grupo 360 Graus : Mic B, Ell Puto, Hernâni da Silva, Dynomite, Denny OG, Suky, Bala de Prata, Dygo Boy, Julie, Chamil, F Cash e LayLizzy. O grupo lançou apenas este álbum, depois continuaram com carreiras a solo, as faixas do cd são apenas as 15 primeiras, as outras 5 são alguns dos sucessos do grupo antes do album, entre outros, infelizmente não tenho a capa e também não se encontra na net, então fiz esta pequena capa.
01 Seis Zero
02 Oh No!!!
03 Pula
04 Game Over
05 Vamos Chillar
06 Word Up (Wurap)
07 Tu és
08 A Caminho do Topo (C-Dub)
09 As Ruas Vão Me Dar Salário
10 Ana Maria
11 A Noite É Nossa
12 Arruma as Botas
13 Mexe
14 Verão
15 Six o Familia
16 360 Graus - La La La La [Bónus +Antigas]
17 In tha House [Bónus +Antigas]
18 Six O [Bónus +Antigas]
19 C-Dub Niggas [Bónus +Antigas]
20 Não Podes Ser Assim [Bónus +Antigas]
 Ficam aqui 3 faixas do grupo 360 Graus 

Sabotagem Vol.2 — Graffiti Portugal (2003/04)

Sabotagem Vol. 2 — Graffiti Portugal (2003/04)
Boas pessoal, como tinha dito no Vol.1, "Sabotagem", foram os primeiros DVD's, "VHS", de graffiti, lançados em Portugal, não tenho as capas deste volume 2, também não se encontram na net, mas penso que o volume dois deve ter saido entre 2003 e 2004, as imagens ainda são bem old school.
 Playlist completa da cassete VHS (11 videos)

domingo, 13 de agosto de 2017

SSP — Alfa (2000)

S.S.P. — Alfa — Download — Baixar
Boas pessoal, voltando ao Rap / Hip Hop angolano, ano 2000...No ano 2000, em Angola, sairam apenas 3 álbuns, o dos "Hemoglobina", o dos "Killa Hill", e este terceiro disco do grupo "S.S.P.". Os álbuns dos "SSP", com as anos, iam ficando cada vez mais com influências R&B, e menos RAP, mas todos eles, tinham sempre aquelas faixas com aqueles flow's old school bem "Hip Hop", e claro nas maiorias das faixas mesmo se os sons têm várias misturas, tem quase sempre o "boom bap" por trás. Para quem fez o download, no primeiro blog "As Nossas Raizes", aviso que a álbum que se encontra la, esta imcopleto, e a tracklist baralhada, então fica aqui o cd completo com as 16 faixas, as participações, e as 2 capas. Este álbum, também foi marcado em termos de participações portuguesas, com o "Boss AC" na faixa 13, o "Sam " faixa 4, a linda voz de "Lena D'Água" na faixa 14, e o "TC" faixa 2 e 13.
01 Intro-Alfa
02 Apesar da minha dor (feat. TC)
03 Aventura [nha maneira]
04 Amar sem ser... (feat. Sam)
05 Interlude-debate
06 Não vale a pena julgar
07 Playa´s
08 Táctica lírica
09 Chama por mim [se precisas]
10 Sonhos de rua
11 Tem cuidado
12 Interlude-3 discos
13 Every woman [needs man] (feat. Boss AC & TC)
14 Sempre que o amor me quiser (feat. Lena D'Água)
15 Operação Alfa
16 Fofa provocante
 Fica aqui uma playlist de 10 faixas do album "Alfa" 

quinta-feira, 10 de agosto de 2017

Hip Hop — Cultura de Rua (1988)

Hip Hop Cultura de Rua — Download — Baixar
Boas pessoal, voltando ao Hip Hop / Rap brasileiro, anos 80'...Como tinha dito no último post "brasileiro", 1988, no Brasil, foi um ano muito importante na história do RAP / Hip Hop, pois além dos "Região Abissal". terem lançado o "primeiro álbum de um grupo de Rap brasileiro", no mesmo ano saia a mais conhecida colectânea do RAP brasileiro, o disco "Hip-Hop Cultura de Rua", ainda é hoje considerado por muitos como o primeiro álbum de RAP lançado no Brasil, mas na verdade o primeiro disco de Rap brasileiro, não pode ser este, pois já tinham sido lançados vários discos entre 80 e 88, Black Juniors, Kaskata's, Electric Boogies etc... Mas podemos dizer que é como a compilação "Rapublica" (Portugal), Rapattitude (França) ou Kandonga (Moçambique), foram os primeiros discos a lançar a primeira vaga de MC's, Dj's & grupos, aos ouvidos do grande público. Fica aqui a versão histórica do disco (com + 6 bónus também de 88 que não sairam na primeira versão).
01.Thaíde - Corpo fechado
02.Código 13 - Código 13
03.MC Jack - Centro da cidade
04.O Credo - O credo
05.O Credo - Deus da visão cega
06.Thaíde - Homens da lei
07.Código 13 - Gritos do silêncio
08.MC Jack - Calafrio
09.MC Jack - A minha banana
10.MC Jack - Vício
11.MC Jack - Cidade maldita
12.Código 13 - Loucura
13.Código 13 - Teu negócio é grana
14.Código 13 - A garota da casa
 Playlist Completa + Video Clip "Mc Jack - Rap da banana", faixa 9 

segunda-feira, 7 de agosto de 2017

Red Bull BC One Brazil Cypher — 2017 (Finals)

BC One Brasil Cypher — 2017 Finals
Boas pessoal, ficam aqui 3 videos das finais do recente evento "Red Bull BC One" (special Brazil) que foi à uns dias atrás, 100% breakdance - 100% Brasil, a final foi entre o bboy "Snoop" & bboy "Leony", o vencedor como podem ver na foto, foi o "Leony", as batalhas das semi-finais, também foram grandes battles.
★ BC One Brazil Cypher: Snoop VS Leony - Finals ★
★ BC One Brazil Cypher: Bart VS Leony - Semifinal ★
★ BC One Brazil Cypher: Rato VS Snoopy - Semifinal ★

domingo, 6 de agosto de 2017

Djoek — Kekike (1998)

Djoek — Kekike  — Download — Baixar
Boas pessoal, voltando ao Hip Hop / Rap Crioulo, anos 90'...O MC cabo verdiano "Djoek", depois de ter lançado o seu primeiro álbum "Nada Mi N'Caten" em 1996, dois anos depois, ou seja, em 1998, Djoek lançava o seu segundo disco "Kekike", pronunciado "Kêkikê", traduzido em português: "O que é que se passa?", este album também foi gravado em Portugal, editado pela "Cap Disco". Na minha opinião, este foi o melhor, e mais completo, album crioulo lançado nos anos 90', já tinhamos aqui em 98 um RAP kriolu +original, diferente, com nivel, flow, letra e beats.
01 Intro
02 Kekike
03 Ampiaba
04 Rakatcha
05 Cada um tem si fé
06 Nu tem ki Kola
07 Intro
08 Ka bu para
09 Dureza está na nha sangui
10 Põe-te em pé
11 Soba soba
 Também pode ouvir 3 faixas do album "Kekike" 

 Video Clip do album "Kekike" gravado em Portugal (1998) 

sábado, 5 de agosto de 2017

Cool Hipnoise ‎— Nascer do Soul (1995)

Cool Hipnoise ‎— Nascer Do Soul — Download — Baixar
Boas pessoal, voltando ao Hip Hop / Rap Tuga, anos 90...No último post (tuga) do General D, tinha dito que iamos passar a 1996 no próximo post, mas entretanto lembrei-me de um outro projeto que oficialmente não é considerado Rap / Hip Hop, principalmente hoje em dia sem o Melo D...Mas que naquela altura, em 1995 exactamente, a banda "Cool Hipnoise", tinha muitas influências Hip Hop, principalmente neste primeiro álbum, em que o MC / Cantor "Melo D", em cada faixa que entra, podemos sentir o flow e a letra do MC "Melo D" dos "Family", pois nessa altura Melo D, também fazia parte do grupo "Family", grupo que ainda tinha gravado duas faixas na colectânea "Rapública", lançada em 94, os "Family" eram: MC Melo D, MC Double V, Didi, & Dj Scratchy, relembro que naquela altura também havia o grupo "Zona Dread", que também gravou no "Rapública", Zona Dread eram: D-Mars, Tony MC Dread, Jazzy G Zone, Dj Tony & Nay. Voltando aos "Cool Hipnoise", como dizia, este grupo quando lançou este álbum, tinha muitas influências Hip Hop atravès do Melo D, mesmo quando vemos o video clip, eu meto isso na categoria Hip Hop Tuga ;) é a razão pela qual decidi também partilhar este album tuga, antes de passar a 1996, acho que também faz parte da história. O disco tem um feat. com o "General D" (pequeno freestyle), nunca tinha chegado a partilhar este trabalho no primeiro blog, e não se encontra em download na net, por isso aproveitem mais um download exclusivo ;). Cool Hipnoise: Melo D, Tiago Santos, João Gomes, Francisco Rebelo, Nuno Reis & Paulo Muiños, mais tarde o Melo D saiu, e entro a cantora "Marga Munguambe", Melo D continuou carreira a solo na Soul music.
(As 3 faixas bónus que eu adicionei, são remixes que sairam na segunda edição do álbum, lançada em 1996)
01 Ela era o meu estilo
02 Soldadinho (feat. General D)
03 Trocadilly
04 Meu amigo
05 Morning Star
06 Bairro de lata (feat. Marta Dias)
07 Passa-me o vinho
08 Cool Hipnoise
09 Funk é mem'bom
10 Blues Mood
11 Meu Amigo (Mind Da Gap Remix) [BONUS]
12 Bairro da Lata (Moonlit Mix) [BONUS]
13 Ela Era O Meu Estilo (Pacata Mix) [BONUS]
 Também pode ouvir 3 faixas do album Nascer do Soul 
 Video Clip "Funk é mem'bom", + Remix (Mind Da Gap), do álbum Nascer do Soul (1995) 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...